Buscar
  • Tatiane de Lima

Profissional de Recursos Humanos e Coronavírus: dicas para lidar com o período



Cuidar da saúde e da mente tornaram-se itens obrigatórios neste momento de pandemia – precisamos rever temas importantes como saúde emocional da equipe, processos nas organizações, a implantação de home office e todas as alterações que o cenário econômico causou. Como será a partir de agora? A resposta é incerta.


Setor que atua na linha de frente de todas as decisões que envolvem pessoas, o profissional de recursos humanos e gestão de pessoas também está se reinventando. Afinal de contas, o que adianta estar disponível apenas para efetivar demissões ou contratações em um cenário como este? É este o setor que pode contribuir no processo de desenvolvimento pessoal, manutenção do clima da empresa e especialmente: disseminação e implantação dos conceitos da cultura da corporação.


E como é possível manter-se ativo nestas funções em um cenário tão incerto? Pois bem: é importante lembrar-se que o RH humanizado é fundamental neste momento. Além disso, separamos algumas sugestões para você, profissional de RH, desempenhar sua função em seu melhor aproveitamento.


: Feedbacks – Não deixe de conversar com líderes de equipes ou gestores da empresa para verificar o que está acontecendo em cada canto da companhia. É aconselhável, neste momento, reuniões semanais com estes representantes: rápidas, mas assertivas para identificar quais os gargalos que podem ser solucionados;


: Comunicação eficaz - Todos os funcionários sabem exatamente qual horário devem desempenhar neste momento, em caso de home office, ou de redução de jornada presencial? E quais as tarefas prioritárias neste momento? Reforce com os líderes o quanto a produtividade neste momento precisa estar alinhada ao novo cenário;


: Seja claro – Lembre-se: não é o momento de tapar o sol com a peneira, certo? Transmita para as equipes as notícias internas com foco na clareza e na objetividade, mas sem causar alarmismo. Identifique quem possa causar estes ruídos e aborde o assunto. É importante para que todos estejam alinhados;


: Identifique a capacidade de mediar conflitos em líderes – O comportamento de todos está diferente: salários reduzidos, tarefas inusitadas e, muitas vezes, há profissionais sobrecarregados. A capacidade de mediar conflitos e perceber quais os problemas que podem ser resolvidos devem estar ainda mais afloradas aos líderes;

: Não se esqueça dos talentos: Especialistas afirmam que, a longo prazo, quando a crise estiver no fim, as empresas que não ficarem atentas ao capital humano poderão enfrentar problemas na retenção dos talentos. Ou seja: se você não cuidar das pessoas neste momento, logo adiante, as oportunidades direcionadas a elas vão ser muito mais atrativas. Lembre-se de identificar quem são as ‘estrelas’ das equipes e como elas podem continuar em foco, no radar de talentos. Afinal, a pandemia passará, e o mercado continuará com um comportamento imprevisível!

11 visualizações

Siga-nos nas redes sociais!

  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Facebook Icon